domingo, 16 de janeiro de 2011

CD 1ª Divisão: SC Beira-Mar 7 x 4 CFCP Lourosa

A equipa sénior recebeu na tarde de ontem a formação da Casa do Futebol Clube do Porto de Lourosa para a partida correspondente à 12ª jornada do campeonato. Os beiramarenses vinham de duas vitórias consecutivas e a expectativa era grande, dado que o adversário era, uma vez mais, o lider da tabela classificativa.

O conjunto da casa entrou da melhor forma no desafio, marcando cedo. À passagem do minuto 3, Hugo Alves, a passe de Gil, fez o 1-0. A resposta da equipa de Lourosa foi quase imediata, uma vez que, passado 1 minuto, restabeleceu a igualdade num lance rápido (1-1).
No Alboi assistia-se a um início de jogo bastante interessante com as duas equipas a querem ganhar vantagem e a criarem várias situações de golo, verificando-se porém um maior ascendente dos da casa. Esse ascendente verificou-se logo pouco depois, com Gil a colocar os auri-negros a vencer com um golo de grande qualidade que levou ao rubro os adeptos beiramarenses.

Antes do intervalo, tempo ainda para Sérgio Peixinho dilatar a vantagem com um remate cruzado. Após falhar um "chapéu" ao guardião adversário, Peixinho não desperdiçou. A vencer por uma diferença de duas bolas e a faltarem pouco mais de 3 minutos para o descanso, a equipa de Paulo Cruz privilegiou a posse de bola e não correu muitos riscos. Resultado ao intervalo: 3-1.

A segunda parte trouxe mais emoção e mais golos. Após um reinício forte por parte do CFCP Lourosa, a formação aveirense foi sabendo defender com mestria, aguardando pela altura certa para contra-atacar. Foi o que aconteceu à passagem do minuto 5 com Sérgio Peixinho a bisar, após passe de Gil (4-1). Entrou-se numa fase decisiva da partida, com o SC Beira-Mar a querer sentenciar o jogo e os forasteiros a pretenderem marcar o mais depressa possivel para reentrarem na luta dos 3 pontos. À passagem do minuto 12, o Lourosa reduziu com um golo em que o guarda-redes "Gato" sofreu falta mas a equipa de arbitragem validou (4-2). Com este golo, os visitantes ainda acreditaram que era possível pontuarem mas novamente o SC Beira-Mar marcou. Em contra-ataque, Nando Lara viu Gil em melhor posição e este bisou no encontro (5-2). Pouco depois, Sérgio Peixinho fez o 6-2 («hat-trick»), sentenciando o desafio. A partir deste golo, a equipa forasteira optou por jogar com o «5º homem», conseguindo reduzir para 6-3. Aproveitando da melhor forma uma fase de jogo de alguma desconcentração e numa altura em que já se fazia a festa nas bancadas, novamente a equipa de Lourosa a marcar (6-4). No entanto, seria mesmo o SC Beira-Mar a fechar a contagem, como um golo de Nando, que marcou exemplarmente um livre de 10 metros. No final, vitória dos beiramarenses por 7-4.

Resultado justo que espelha o que se passou dentro de campo. Assistiu-se a um jogo de grande qualidade, com as duas equipas a proporcionarem um dos melhores jogos a que se assistiu esta época no Alboi e perante muitos adeptos beiramarenses. Arbitragem sem casos.
Destaques para o «hat-trick» de Sérgio Peixinho, para a estreia de Victor Corrêa e para os Ultras Auri-Negros, incansáveis no apoio!

video

(Um dos momentos altos da tarde: 0 6-2 por intermédio de Sérgio Peixinho, que marcou o 3º golo da sua conta pessoal)

Sem comentários: